O absurdo da nossa existência

22:52

Para observar, se, na existência já consumida de cada um de nós, acolhe o pessimismo do seguinte texto:

Descobri, neste mundo que nos foi dado existir, que a corrida não é para os mais rápidos, nem a batalha para os bravos, nem o pão para os prudentes, nem a riqueza para os doutos, nem o favor para os sábios; todos estão à mercê das circunstâncias e da sorte.

Virgílio A Ferreira

You Might Also Like

0 comentários

Instagram