A depressão

22:52


A depressão, não é tanto uma doença, mas sim uma síndrome. Não é apenas uma doença do sistema nervoso central, mas antes uma doença sistémica.
Assume-se, actualmente, que será uma das doenças mais incapacitantes do século XXI, de acordo com a OMS. Supõe-se que, 800 mil portugueses, estão deprimidos, neste momento.

Nos sintomas nucleares da depressão, encontram-se o humor depressivo/tristeza, a incapacidade para sentir prazer em actividades habitualmente prazerosas e os pensamentos suicidas. Além destes, os doentes também poderão apresentar falta de vontade de fazer coisas, de tomar decisões, de energia, insónia, lentificação, fadiga, desconcentração, diminuição do apetite, perda de interesse sexual, variação diurna do humor, pessimismo, sentimentos de auto-desvalorização ou de culpa irracionais e, os pensamentos suicidários, podem traduzir-se desde somente ideias de morte passiva, até ideias de suicídio estruturadas.

A maior parte dos quadros depressivos dura menos de 1 ano, no entanto, 15% manterão os sintomas por mais de 2 anos. Os riscos de recorrência são de 30% a 10 anos e 60% a 20 anos. No entanto, a esperança de melhoria, mostrou ser um factor que prediz a remissão da depressão-são importantes as atitudes subjectivas dos doentes relativas à esperança de melhoria. Durante o período de seguimento dos doentes, 88% atingem a remissão.

Aqui mostro alguns vídeos, que destaco, na forma como descreve a depressão e seus sintomas, e um caso real de depressão.



You Might Also Like

0 comentários

Instagram